Ladrões arrombam e furtam Igreja Matriz de Pirangi

Ladrões arrombam e furtam Igreja Matriz de Pirangi

Última atualização em 09/05/2021, 08:24h por A Trombeta

Na madrugada do último domingo, 02/05, a Igreja Matriz de Santo Antônio da cidade de Pirangi teve uma porta lateral arrombada, pertences furtados e danificados.

Segundo o padre José Adalberto Salvini, responsável pela Paróquia de Santo Antônio, o fato foi comunicado por ministros que costumeiramente chegam antes para concluir a preparação das missas, e constataram a porta arrombada, imagens derrubadas, urna de coleta danificada e gavetas da sacristia reviradas.

Ao chegar a matriz o pároco juntamente com as testemunhas comunicaram a polícia sobre a ocorrência e em seguida após a perícia começaram a verificação e a arrumação. Foram subtraídos um celular que é usado para transmissão das missas e uma pequena quantia em dinheiro que estava na urna de coleta.

Em conversa com a reportagem A Trombeta, o padre José disse que lamenta nem tanto pelos bens matérias e até pelos danos causados, mas pela afronta moral a um local de oração, fé e paz. “Celular a gente dá um jeito e compra outro, a desarrumação nós arrumamos o que me entristece e muito foi vilipêndio que sofremos, não apenas a igreja, mas toda a comunidade” disse o padre.

Em uma rede social após mencionar o ocorrido o padre José deixou a seguinte mensagem: “Agradeço a Deus por nos fortalecer e dar coragem para enfrentar com serenidade este conflito. Agradeço o carinho e a preocupação de todos que estão se manifestando e se dispondo! Que Deus faça justiça e dê a graça da conversão aos que cometeram este crime.”

A Igreja Matriz de Santo Antônio fica situada no centro da cidade de Pirangi. O crime está sendo investigado pela polícia. Até o momento ninguém foi preso ou identificado.

Crime parecido em Jaboticabal

Na madrugada de 27/04 a Catedral Diocesana de Nossa Senhora do Carmo em Jaboticabal teve uma de suas portas lateral arrombada e vários pertences foram furtados.

Segundo a polícia a comunicação do crime foi feita pelo padre Erminio Inacio dos Reis, que é responsável pelo templo católico. O religioso informou a polícia que foram subtraídas 20 garrafas ânforas em estanho contendo óleo abençoado e a coroa da imagem de Nossa Senhora Aparecida banhada a ouro e prata.

No interior da igreja foram constatadas muitas manchas de sangue, sugerindo que o autor ou autores se feriram durante a execução do crime.  Além de policiais militares e civis compareceram no local peritos do Instituto de Criminalística de Jaboticabal que periciaram a templo.

Compartilhar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *