Vereadores pedem a prefeitura o retorno urgente da pulverização com água clorada das ruas de F. Prestes e Agulha

Vereadores pedem a prefeitura o retorno urgente da pulverização com água clorada das ruas de F. Prestes e Agulha

Última atualização em 20/03/2021, 21:45h por A Trombeta

Medida visa diminuir a ação e proliferação do novo coronavírus.

Na última sexta-feira, dia 19/03, os vereadores Douglas Alves de Oliveira, Arnaldo de Jesus, Geraldo da Silva, Nivairdo Marcato e Wilson José Villela encaminharam ao prefeito municipal de Fernando Prestes um requerimento solicitando com a máxima urgência  o retorno da pulverização diária de água clorada pelas vias públicas de Fernando Prestes e Agulha visando diminuir a ação e proliferação do novo coronavírus.

Os vereadores justificam a urgência do pedido alegando que “esse  é o pior momento de pandemia que estamos presenciando desde o ano passado, nosso estado encontra-se na fase vermelha com rígidas medidas para controle de contágio do vírus, além de tais, devemos fazer algo além, como o que está sendo proposto neste documento”.

“A pulverização é realizada com atomizador em todas as ruas e avenidas da cidade de Fernando Prestes e do distrito de Agulha, exterminando o vírus presente nas superfícies, trazendo assim uma maior tranquilidade para toda a nossa população. É uma ação respaldada por especialistas e que vem sendo feita em muitos outros municípios” menciona o documento.

Nebulização de via pública em Fernando Prestes em abril de 2020 – Imagem: arquivo Jornal A Trombeta

No requerimento os vereadores salientam que tal procedimento tem respaldo científico e compartilham no documento enviado ao prefeito, um link de uma matéria veiculada em um site de notícia (G1). A reportagem afirma que de acordo com o médico patologista Alex Galoro, a medida foi utilizada com sucesso em outros países e é um método eficaz de combate ao coronavírus.

“Devido à presença do vírus ativo na superfície, quanto mais esterilizar, maior a efetividade e diminuição do contágio por esses meios. O cloro tem uma ação oxidante e atua direto na parede celular do vírus. Dessa forma, ele consegue matar e inativar esses agentes patológicos”, explicou o médico ao portal G1.

Segundo Galoro, o método não oferece risco à saúde das pessoas. Ele orienta ainda que limpeza dentro das residências também pode ser feita com água sanitária, mas precisa ser repetida várias vezes.

Vereador já teve outro pedido negado pelo prefeito

Em 15/01/2021 foi protocolado pelo vereador Douglas Alves de Oliveira um requerimento desta mesma natureza, onde não foi atendido, diante da alegação de que a municipalidade não possui o implemento adequado (atomizador) e nem recursos financeiros para a compra ou aluguel de um.

Segundo o vereador Douglas, no entanto em 15/02, houve uma sessão extraordinária onde foi aprovado por unanimidade pela Câmara dos Vereadores o Projeto de Lei Nº 003/2021, dispondo sobre a abertura de crédito especial no valor de R$127,000,00 destinado para a criação de dotação no orçamento vigente para a aplicação de recursos destinados ao custeio de ações do enfrentamento ao COVID-19.

“Além de haver também a possibilidade de buscar parcerias com empresas/empresários para a obtenção do cloro e o empréstimo do atomizador” disse Douglas.

O primeiro requerimento, que não foi colocado em prática pelo Poder Executivo alegando falta de recursos era de autoria exclusiva do vereador Douglas. Neste novo requerimento protocolado em 19/03/2021 consta a assinatura de cinco vereadores: Douglas Alves de Oliveira, Arnaldo de Jesus, Geraldo da Silva, Nivairdo Marcato e Wilson José Villela.

Compartilhar

Um pensamento sobre “Vereadores pedem a prefeitura o retorno urgente da pulverização com água clorada das ruas de F. Prestes e Agulha

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *