Em Fernando Prestes novos casos de covid tem curva crescente; Cândido Rodrigues está estável

Em Fernando Prestes novos casos de covid tem curva crescente; Cândido Rodrigues está estável

Última atualização em 07/06/2021, 20:16h por A Trombeta

Neste ano de 2021 os casos de Covid-19 aumentaram em 297% em Fernando Prestes e 146% em Cândido Rodrigues, tendo como parâmetro o ano de 2020.

Desde o início da pandemia, em março do ano passado, Fernando Prestes registrou até 31 de dezembro 175 casos positivos e saltou para 695 em 31 de maio, uma diferença de 520 (297%) pessoas positivadas nos primeiros cinco meses do ano. Em Cândido Rodrigues os números em percentuais foram menores. Em dezembro, 94 pessoas foram positivadas para a covid e no final de maio esse número chegou a 232 casos, a diferença de 138 (146%) apenas em 2021.

O quadro é mais preocupante em Fernando Prestes, quando é analisada a evolução mensal (veja gráfico), onde aparece uma linha ascendente de novos casos desde fevereiro (49), março (97), abril (117) e maio (145).

Em Cândido Rodrigues vislumbra-se certa estabilidade desde março com 33, abril com 27 e maio com 27 novos casos apontados. Foram registrados 10 óbitos até o momento em Fernando Prestes em decorrência da covid, sendo que seis ocorreram neste ano. Em Cândido Rodrigues faleceram seis pessoas por covid desde o início da pandemia, quatro dessas mortes foram em 2021.

No boletim epidemiológico de 02/06, Fernando Prestes, apresentava 720 pessoas acometidas pelo novo coronavírus desde o início da pandemia. Em isolamento estão 45 pessoas, três internados e 662 curados. Ainda consta no boletim 56 suspeitos de estarem com a covid, sendo que um está internado.

Em seu boletim oficial de 31/05 o município de Cândido Rodrigues apresenta 15 pessoas positivadas em isolamento domiciliar e um internado. Conta ainda com cinco suspeitos aguardando resultado do exame.

Compartilhar

Um pensamento sobre “Em Fernando Prestes novos casos de covid tem curva crescente; Cândido Rodrigues está estável

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *