Falece Dr. Honório Parizi, o médico que fez de Fernando Prestes sua derradeira morada

Falece Dr. Honório Parizi, o médico que fez de Fernando Prestes sua derradeira morada

Última atualização em 27/07/2022, 18h02min por A Trombeta

Na manhã de hoje, 27/07, faleceu em Monte Alto, o médico Dr. Honório Parizi, aos 93 anos de idade. Em 1991 ele chegou a Fernando Prestes e até sua aposentadoria trabalhou como médico na Saúde local. Foi velado no Velório Municipal e sepultado às 17h de hoje no Cemitério local.

Um parêntese. O Jornal A Trombeta,  em sua versão impressa, tinha um quadro denominado “Personagens & Personalidades”, que buscava resgatar pessoas e histórias de Fernando Prestes e região. Por ironia do destino, talvez esse script já estava pronto, ou sempre esteve, a jovem Letícia Ravazzi Amado, na época estudante do Ensino Médio, era colaboradora deste jornal e por sugestão de pauta, fez essa matéria com Dr. Honório Parizi, que foi publicada na edição nº58 do Jornal A Trombeta em 08/08/2006. Anos depois Leticia cursou medicina e ainda recém formada faleceu vitima de um trágico acidente de trânsito. A seguir a republicação do conteúdo, onde consta toda a vida de Dr. Honório Parizi. Talvez ela esteja recepcionando seu entrevistado de 2006 e também colega médico. Fecha o parêntese

Dr Honório Parizi em seu consultório na Unidade Básica de Saúde “Bento Franzoni” de Fernando Prestes Foto: Arquivo Jornal A Trombeta Ago/2006

Personagens & Personalidades

A sabedoria e a inteligência podem ser notadas claramente nas pessoas que tem garra e vontade de vencer. O Personagens & Personalidades desta edição vai retratar a vida do médico Honório Parizi. Uma pessoa que não esperou as coisas acontecerem, mas que fez com que elas acontecessem. As oportunidades não caem em nossas mãos, somos nós que temos que cria-las e agarra-las. Eis aqui um exemplo de luta, vontade e inteligência.

A história de um médico

Por Letícia Ravazzi Amado

Nascido em Presidente Prudente no dia 13 fevereiro de 1929, Dr. Honório Parizi, hoje é um médico respeitado e querido aqui em Fernando Prestes.

Criado na roça até os 16 anos de idade, enfrentava grandes dificuldades para ir à escola . Após o termino do colegial fez curso de contador, pois se não conseguisse atingir seu verdadeiro objetivo, a medicina, ao menos teria uma profissão.
Aos 21 anos de idade, partiu para o Rio de Janeiro em busca de uma vaga na Faculdade Nacional de Medicina. Desacreditado por muitos, que julgavam este curso ser exclusivo para ricos, Dr. Honório chegou a Rio sem sequer lugar definido para residir.
Lá encontrou um grupo de jovens estudantes que o conduziram até uma pensão, e no ano seguinte ele já ingressava na universidade tão almejada e sonhada.
No ano de 1957 Honorio Parizi tornou-se Doutor Honório Parizi.

No Rio de Janeiro, trabalhou ao mesmo tempo no Manicômio Judiciário, no Pronto Socorro da Prefeitura e como Monitor de Ensino de pediatria com o professor Martinho da Costa.
Aberto concurso para escola militar, resolveu se inscrever no ultimo dia de inscrição. Prestou a prova, passou e se tornou militar. Foi tenente e capitão.

Já como capitão trabalhou como chefe do pronto socorro do Batalhão de Saúde e também foi instrutor chefe de curso de Saúde (dava instruções militares para estudantes de Odontologia, Farmácia e Medicina). Também foi dono de um Pronto Socorro particular.

Dezessete anos após prestar o concurso foi chamado para ser fiscal da Receita Estadual de São Paulo. Para assumir ao cargo pediu transferência para a reserva não remunerada. Sendo portanto, até hoje, capitão da reserva, do Exército Brasileiro.
Além de tudo  já descrito, Dr. Honório também é advogado e formado em Gerência de Alto Nível, na Faculdade Getulio Vargas. “Sempre gostei muito de estudar” afirma ele.

Já aposentado, residindo na cidade de São Paulo, em visita aos filhos na cidade de Monte Alto Dr. Honório Parizi conhece o então vereador Lourival Vergani que o apresenta ao prefeito Enico Caroni .Não havendo medico na cidade, o então prefeito faz um apelo para que Dr. Honório viesse servir a  comunidade fernando prestense. Garantiu ao prefeito Enico Caroni que ficaria na cidade ao menos um ano. Em 1º de maio de 1991, Dr. Honório chega a cidade, onde permanece até hoje.

Ainda trabalhando na Unidade Básica de Saúde e atual vereador na cidade, diz que entrou na política pensando poder ser útil  ao serviço de saúde. Afirma que atualmente não possui mais pretensões políticas.

“Eu queria ser delegado de policia, mas não fui aceito por causa da idade” diz Dr. Honório a ser questionado sobre suas atuais pretensões.

E para finalizar ele acrescenta: “ Não me arrependo em momento algum de ter vindo para cá, fiz muitos amigos, trabalhei leal e corretamente. Inclusive até já recebi o titulo de cidadão fernando prestense”.
E realmente, Dr. Honório Parizi pode ser considerado um cidadão fernando prestense.

Publicidade

Compartilhar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.